Borbulha-me

Borbulham-me muitas ideias. Talvez que não se possa executá-las.

Borbulham-me sentimentos. Talvez que não se possam manifestar.

Borbulha-me a efervescência natural das coisas. Talvez não se possa controlá-la.

Borbulha-me um pouco de tudo. Talvez sem saber por que.

Borbulha-me um dia após o outro. Talvez sem saber o destino.

Porque borbulha-se tanta coisa dentro de mim. E borbulha-se tanta coisa para fora também, pelas palavras. E estas palavras voam como as borbulhas de sabão.Imagem

Anúncios

6 comentários sobre “Borbulha-me

  1. Ei Bor…. bulha-me, por favor! Ei Pa… Lavras a terra para sempre cultivar uvas e beber o vinho da inspiração. Por isso, borbulhas…

  2. Então Mônica….o blog foi feito num período difícil da vida, tinha acabado de fazer uma cirurgia e fiquei muito tempo em casa, pq tb fiquei desempregada.
    depois foi minando o tempo para escrever….
    Mas confesso que foi uma época muito dolorida tb, e a escrita era um refúgio,sabe?
    espia lá:
    kasadalaura.blogspot.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s