Sozinhando

sozinhando

A solidão dá um pouco de medo, sabe. O medo desta coisa de estar sozinho para sempre, de não ter com quem dividir, nem os sonhos, nem os pesadelos. Nem a comida, quando tem.

A solidão aterroriza também quando parece que apenas a gente quer o bem do mundo, o bem da nossa família, o bem dentro do trabalho.

Num mundo cada vez mais competitivo, onde não há espaço para perdão e gratidão, as coisas ficam cada vez mais complicadas… E a solidão se desenrola todos os dias dentro da gente, como se fosse reprise do capítulo daquela série que você não consegue chegar ao fim.

A solidão aterroriza quando a nossa voz não ecoa. Parece ficar ali, divagando por dentro, sem forças para tomar dimensão. Para libertar.

E tem gente que vive sozinho. “Sozinhando” o tempo, orações, pedidos, músicas.

E tem gente que se encontra. Sozinhando.

 

Anúncios

2 comentários sobre “Sozinhando

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s