Ciclo de emoções

beautiful waterwheel

A inquietude é contínua. Todos os dias, uma novidade. Um aprendizado. Uma bênção escondida em papel de chocolate.

A vida é doce. A vida é breve.

A vida é contínua dentro da gente, quando não se desiste de viver. Quando se está “pau pra toda obra”. Quando chove dentro da gente e nada desaba por fora. A água verte no suor do dia a dia, na imensidão do caminhar consigo mesmo. Sem medo. Sem expectativas. Sem o foco na crueldade de tudo o que acontece e de tudo o que é feito, sem medida.

Resiliência é palavra de ordem, sobretudo quando a vida parece amarga, apimentada, azeda. E volta a ser doce de novo, porque é preciso experimentar todos os gostos, todas as sensações e emoções que a vida provê.

Tudo passa. Tudo muda. E outras coisas se fortalecem.

Quebram-se muralhas e sentimentos são reconstruídos dos escombros. E a gente se reconstrói das cinzas, das mortes súbitas de tantas coisas e emoções.

Momentos passam. E recomeçam.

Porque a vida é contínua.

É um ciclo perfeito de todas as coisas. E todas as emoções.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s