Reviravoltas no sentir

Eu me enganei tantas vezes e continuo me enganando. Mas também continuo aprendendo, enxergando, me recompondo. Não há fórmula perfeita. A vida é isto: consolo, desalento, saudade, saudade maior, alegria, frustração, contentamento, tédio, rapidez e morosidade. Tudo junto. Tudo misturado. Tudo em milésimos de segundo. Lembranças, emoções, reviravoltas no sentir de cada momento. Revelações e … Mais Reviravoltas no sentir

Busca frenética

Um rapaz de camisa surrada e bermuda mexe na lixeira ao meu lado. A sensação é desalentadora. Ele segura um saco preto e, num primeiro instante, até achei que estava procurando comida. Mas, eram as latas o seu intento. Ele caminha, ansioso. Talvez a urgência lhe consuma, como as minhas próprias. Uma senhora sentada, embala … Mais Busca frenética

Gotejo e devasto

Observo um gotejamento de emoções. De pouco em pouco, eu sinto muita coisa. E ainda não sei explicar pra mim mesma. Desenho no papel, brinco com minha caligrafia, com minhas tintas, minhas cores, com meus anseios. Fora de mim, tudo está tão calmo… As flores sobre a mesa me dão saudade dos meus vasos floridos, … Mais Gotejo e devasto

Numa completude

Algumas emoções estão atenuando; outras ainda não sei muito bem para onde estão indo. Ganho um dia de cada vez e tenho experimentado cada momento, seja ele de tristeza, melancolia, alegria, contentamento. Ainda choro, mas tenho gargalhado mais. Tenho visto tantas coisas boas e tenho mergulhado dentro de mim, sem pressa para voltar à superfície. … Mais Numa completude

Mão e mãe

Hoje eu republico meu texto, “Uma mão superior”, divulgada no Metrô News em 2013 por ocasião do Dia das Mães. É uma homenagem à minha mãe e a todas as merecedoras de amor devocional. Agradeço à leitora Deise por ter me lembrado deste texto! Namastê!  UMA MÃO SUPERIOR (ilustração de Morini) Na vida, a gente … Mais Mão e mãe